28 de fev de 2013

É o Novo! # 2 : Heróis da minha infância !

Olá povo!

 Estava eu pensando aqui, faz tempo que eu não posto nada sobre séries,estou em falta com o blog!
 Tenho assistido séries interessantes,pretendo versar sobre elas conforme o ano for avançando,mas revendo algumas fotos antigas,daquelas em que não se faz pose mas se é pego no flagra "voando alto" durante brincadeiras infantis,acompanhadas- pelo irmão- ou na maioria das vezes solitária. 
 Que brisa,que lembranças legais!  Brincadeira de criança não é completa se ela não "incorporar" aquele personagem que mais a agrada...E naquela época anos 80/90, haviam muitas séries que me inspiravam. Os efeitos especiais podem não ser tão elaborados como os das séries de hoje,com recursos tecnológicos 3D ou maquiagens realísticas mas certamente eram muito mais emocionantes e é por isso que à maneira da colega Karla aqui do blog,vou compartilhar um pouquinho das minhas lembranças com vocês! Foi muito difícil escolher sobre quais séries falar,mas estas são as eleitas:

                             
Super Vicky : Quem se lembra desta frágil garotinha de vestidinho e avental, 8 anos de idade,dona de uma força descomunal?  Eu era vidrada nela e ficava realmente muito chateada quando a mandavam ficar dentro do armário,ela DEVERIA fazer parte daquela família,que maldade! Apesar de parecer cruel com a querida Vicky,tinha um propósito maior: Afastar a vizinhança fofoqueira que com certeza prejudicaria a famíla se descobrisseque a garotinha era um robô fabricado pelo próprio patriarca da família,um ancestral dos nerds por sinal,Dr Ted Lawson.Nunca hei de esquecer  a menina vizinha de cabelos vermelhos e o seu inesquecível bordão : Onde está o meu homem! Que persistência!


Esta era a abertura da série:




Changeman: Não poderiam faltar seriados tokusatsus japoneses,os quais eu amo desde pequetita! As poses que eu fazia eram épicas e representavam os seres que davam forças ao grupo de heróis da série. É claro que eu queria ser como as Change Sereia e Fênix,as meninas da equipe,mas tinha igual admiração pelo poder dos rapazes.  Gyodai era esquisitamente cativante com sua aparência peculiar e por melar o trabalho dos Change, revivendo os monstros e transformando-os em gigantes . E que nojo dos soldados! Nasciam de ovos,tinham pele azul e eram loiros. Eram mudos mas toda vez que apareciam um som asqueroso os identificava. Sentem a porrada neles,Changes!

Abertura de Esquadrão Relâmpago Changeman,como era chamado aqui no Brasil:





Kamen Rider : Meus amiguinhos de colégio me achavam, bizarra por gostar de seriados japoneses,mas vejam  só Kamen Rider Black e  Kamen Rider Black RX que foram os únicos da franquia original a serem exibidos no Brasil: É um homem inseto - ciborgue- pilotando uma super moto e chibateando os vilões até eles explodirem! Isso não é demais? Definitivamente,as crianças atuais precisam de heróis como os dos anos 80!


 Abertura de Kamen Rider na saudosa TV Manchete:




Jiraiya: Finalizando a minha seleção de japoneses, não podia faltar ele,o ninja Jiraiya! Como dizem por aí: Épico!- LE CARRO EXPLODINDO E CAPOTANDO - O diferencial de Jiraiya em relação aos outros heróis japoneses é que ele um jovem comum,tanto como anônimo quanto como lutador da justiça.Ele não possui super poderes,conta apenas com o treinamento da lendária técnica ninja e com a sua espada. Fodeu,agora porra tá séria,é assimm que pensávamos toda vez que ele empunhava a espada e gritava: Espada Olímpica! A série torna-se muito mais interessante pelo simples fato que o último ninja do Japão (de verdade) está entre os personagens.

Abertura de Jiraiya,também na TV ( Porque fostes acabar Rede Manchete?  ) :



  Goosebumps: Esta série eu assistia na época em que ainda havia  o canal Fox Kids nas TV's pagas. Apesar de ser dirigida para o público infanto-juvenil,é capaz de provocar "calafrios",literalmente o nome da atração. O enredo conta com situações bastante tensas,que prendem até mesmo a atenção de um adulto,ou seja é um terrorzinho muito bom de se assistir à tarde,depois da aula e depois ficar matutando sobre algumas lições muito importantes repassadas através das situações. Tipo,se puder sempre evite de ser incrédulo,curioso demais,soberbo,teimoso,valentão...Você pode acabar se dando mal!Confesso que eu só assistia de dia com todas os acessos da casa abertos,porque vai que...né? XD~~


Aqui está um episódio da série:



Eerie Indiana : Apesar de não ser amedrontadora como Goosebumps, a trama de Eerie Indiana é bastante tensa e complexa. Imagine você encontrar-se consigo mesmo do futuro com a idade de 113 anos? Deve ser impactante saber que nunca sairá de sua cidade e que trabalhará como carteiro. Mais ainda quando você em questão tem apenas 13 anos! Essa foi mais uma das estranhas situações pelas quais passaram Marshall Tellers e seu amigo cabecinha oca  na cidade de nome homônimo à série. É um "Além da Imaginação" infanto-juvenil,muito bom,que pena que não passa mais na tv.  
Abertura de Eerie Indiana,no original em inglês:



E para finalizar com chave de ouro...



Wishbone: Uma explosão de fofura esse cachorrinho,minha gente! Até hoje tenho o refrão guardado na minha cabeça "Qual a história Wishbone,que você vai nos contar"! Eu realmente queria que meus filhos vissem esta série,assim como todas as outras crianças,pois é pedagógico,incentiva a criatividade e o gosto pela leitura.Meus cães foram meus wishbones!O imaginativo cãozinho compartilha conosco seus sentimentos e devaneios.A cada episódio ele é um personagem da literatura,num enredo que se entrelaça com a sua vida de companheiro do garoto Joe,seu dono e é claro,cada episódio tem um conflito,uma resolução de problemas e uma importante lição a ser repassada. Em alguns episódios a carga dramática é intensa,como foi o caso de A Máquina do Tempo de H.G Wells. Podemos sentir a desolação de Wishbone ao ver que enquanto " ele" viajava com auxílio da máquina o mundo que ele conhecia havia terminado. Foi bem obscuro. E de novo,que fofura de quatro patas,nos mais elaborados figurinos de época! #VOLTAWISHBONE


Tema de Wishbone em inglês:


Acaba por aqui a minha lista de heróis de infância,espero que vocês tenham gostado!

3 comentários:

  1. Adorava Super Vicky... passava na SESSÃO AVENTURA - que hoje, dá lugar ao malfadado "Malhação".

    Black Kamen Rider, Changeman, Jaspion, Jiban e o que eu mais gostava que era Jiraya, eu não perdia NENHUM na extinta Rede Manchete (atual RedeTV!).

    Goosebumps era mesmo um seriado no melhor estilo "ALÉM DA IMAGINAÇÃO" pra crianças, e era um sucesso... principalmente, lá nos EUA mesmo!

    Mas nao lembro direito desse Wishbone. E juro que pela sua descrição da série, fiquei com uma enorme vontade de ver!!!

    Tinha um que eu adorava: "A GATA E O RATO", que passava aos sábados na Rede Globo. Foi ali, inclusive, que eu conheci e virei fã de Bruce Willis!

    Bjs, gostei do post.

    ResponderExcluir
  2. Aninhaaaaaaaaaaaaa,

    Que viagem no tempo, ein?
    Agora, fiquei relembrando o que eu via na TV...
    :::
    Três é Demais;
    Punk a Levada da Breca;
    Sítio do Pica Pau;
    Família Adams;
    Além da Imaginação;
    Ilha da Fantasia;
    Caverna do Dragão;
    Thundercats;
    Armação Ilimitada;
    Globo de Ouro;
    Chacrinha;
    Bambalalão (até fui ao programa) amava a Silvana, Chiquinho e a Bamboneca,rs.

    Adorei seu texto!

    ResponderExcluir
  3. Kamen Rider Black RX foi minha pequena infância !!

    ResponderExcluir