4 de set de 2012

Marvel Apresenta: The Human Torch (Tocha Humana Original)

A Marvel Comics é uma das mais reconhecidas editoras do gênero HQ e derivações, sendo sempre lembrada por seus famosos heróis; Como Quarteto FantásticoHomem-AranhaO Incrível HulkCapitão AméricaO JusticeiroOs VingadoresDemolidorThorHomem de FerroSurfista Prateado, os X-MenWolverineBlade: O Caçador de VampirosMotoqueiro Fantasma, Doutor Estranho, Namor - O Príncipe Submarino, entre muitos outros. Uma vez que o sucesso no universo dos quadrinhos foi tamanho, logo resultou na inserção de algumas destas personagens para as telonas; Por óbvio, caindo ainda mais no gosto popular. Apesar de muitos perceberem a editora como atual em seus trabalhos, a mesma possuí uma longa história, tendo iniciado sua labuta no ano de 1930, com o nome de Timely Comics. Nesta época o foco da mesma era a publicação de revistas Pulp. Em 1933 expandiu-se para o estilo faroeste e, anos mais tardes, foram inclusas as revistas de histórias em quadrinhos originais. Desta maneira, em 1939 foi lançada - com o número 1 da revista Marvel Comics - a primeira publicação com super-herói original. Na capa estava o chamado The Human Torch, ou Tocha Humana (Original). Na mesma revista havia o anti-herói Namor.


Apesar do seu nome, Tocha Humana tratava-se de um androide inflamável chamado de Jim Hammond. Suas histórias apareciam mensalmente na Revista Marvel Comics, contudo, sua popularidade garantiu-lhe que estrelasse sua própria revista. O autor deste foi Carl Burgos - aquele que processou o Stan Lee, já que quando este criou o Quarteto Fantástico (anos 60) incluiu um novo Tocha Humana, e teria rasgado os originais do The Human Torch em um acesso de raiva.


Como o dilema era criar um herói que ardesse em chamas e não se queimasse Carl chegou a este plot: O Tocha Humana era um androide criado por um inventor e que lutou durante a Segunda Guerra Mundial; inclusive ao lado de Capitão América, Namor e Union Jack (isto em novas histórias lançadas na década de 70). Possuía um sidekick chamado Toro - ou Centelha aqui no Brasil -, um mutante que havia ganho seus poderes através de uma contaminação radioativa. Os dois investigaram situações, apareceram durante a Guerra da Coréia e ainda auxiliaram outros super-heróis em edições que foram sendo produzidas ao longo dos anos, confira AQUI.

Para alguns é considerado o mais notável herói com esta capacidade inflamatória corporal. Para quem só conhece o Tocha Humana do Quarteto Fantástico, vale conferir este clássico vintage! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário