4 de mar de 2013

Nova Música Brasileira

Queridos Leitores...

Gostaria de apresentar a vocês, algumas novas caras da nossa MPB, que faz alusão ao velho, mas trazendo muito conteúdo novo para nossa cultura.

A música popular brasileira anda à mil nos últimos tempos e temos que conhecer quem anda escrevendo a nossa história musical.

Segue, então, alguns vídeos dignos de serem conhecidos!



                                                  Cinema Americano - Thaís Gulin

Thaís Gulin é uma voz que se destaca... Cantora e compositora, lançou seu primeiro disco em 2007. Queridinha e namorada de, ninguém mais que Chico Buarque, dá uma amostra em "Cinema Americano", do compositor Rodrigo Bittencourt, de como embalar uma música intensa com a maciez de seu timbre.
_________________________________________________________________________________

                                                            Não consigo - Tono


Tono é uma banda formada por Ana Cláudia Lomelino, Bem Gil, Bruno Di Lullo e Rafael Rocha, faz um som conceitual e cheio de suingue, que mescla sensualidade com regionalismo, e claro, que isso, ao meu ver... Não sou crítica de música, mas posso dizer o que a banda me causa. Foi uma das minhas últimas descobertas e digo, que, fica complicado parar de ouvir. As letras, bem elaboradas e sutis, variam entre metáforas bem boladas de coisas cotidianas do amor, da tecnologia e da decepção até uma música com 2 frases que faz com que o ouvinte viaje no que ela pode querer dizer (Ele me Lê). Sem explicação a mistura... é isso que faz a banda ser tão boa.
_________________________________________________________________________________


Bogotá - Criolo
                                                         
Segundo o que eu ouvi por aí, Criolo quase desistiu de ser cantor. Durante muito tempo, ninguém deu a atenção que ele merecia. Só que, alguém, que eu também não sei quem foi, ficou sabendo do seu trabalho e resolveu investir nele no meio do rap. Claro que essa música não é um rap de raíz, mas caso queiram descobrir mais coisas desse tesouro que é a música do Criolo, vocês vão se deparar com muita coisa bacana.
_________________________________________________________________________________

                                                         Devolve Moço - Ana Cañas

Ana Canãs fazia artes cênicas, quando se deparou com Ella Fitzgerald em um teste para um musical e descobriu sua verdadeira vocação. Começou a cantar jazz na noite paulistana, isso depois dos 20 anos. Em 2007, gravou "Amor e Caos", seu primeiro disco, que leva essa bela canção que segue na descrição. Lançou outro álbum, em 2009, intitulado "Hein?!", fez parcerias com cantores renomados, e tem até uma música que compôs a trilha sonora de novela global. Ana já está no cenário musical há uns anos, mas isso não significa que é conhecidíssima, e por isso ela está entre os meus selecionados desse post. Vale a pena conhecer essa sonoridade mesclada de Cañas.
_________________________________________________________________________________

                                          Zé Cafofinho e as Suas Correntes - Dança da Noite

Zé Cafofinho, o novo nome para o cantor, compositor e multiinstrumentalista, Tiago Andrade. Pernambucano e ativo na cena musical do estado há mais de 10 anos, ele trás com esse novo alter ego seu projeto de pessoa mais madura, com seus companheiros, Cláudio Negrão, Felipe Gomes, Márcio Oliveira, Rapha B, um som extremamente original. Só tenho uma coisa a dizer: Som que causa. Sem definições, como a grande maioria das novas caras da música brasileira, dá uma vontade de ouvir mais e mais.
_________________________________________________________________________________


                                            Trupe Chá de Boldo - A Rolinha e o Minhocão

Eu não conheço a história da Trupe Chá de Boldo. Coloquei porque nesse último fim de semana eles se apresentaram em Belo Horizonte e eu simplesmente AMEI. Show muito alto astral e dá muita vontade de saber tudo o que eles já fizeram. São 13 integrantes, uma bagunça organizada, com letras bem humoradas e é isso. No mais, se tiverem a oportunidade de ir a um show, não percam. Vale MUITO a pena.
Ah, claro, sem me esquecer, que há poucos dias eles conseguiram o podium do Disk MTV, com seu clipe "Garrafa" e, desbancaram até, Justin Bieber. Merecido. 
_________________________________________________________________________________
                                       
                                                        Suspuro Blue - Dolores 602
                                             
Dolores 602 é uma banda novinha, ainda. De Belo Horizonte, Camila Menezes (baixo) e Isabella Figueira (Bateria) estavam atrás de uma vocalista para montar uma banda, quando, através de uma amiga em comum, conheceram Débora Ventura (Voz e Violão) e Táskia Ferraz (Guitarra). Logo no primeiro dia, elas sentiram aquela química bacana e montaram a Banda. 
Em uma primeira instância, a banda tinha um repertório apenas cover, que abrange o gosto de cada uma delas, muito bem selecionado, que passeava por Rollings Stones, Beatles e Cake até Belchior, Raul, Morais Moreira, Caetano e Chico. 
Hoje, com músicas autorais da banda e de compositores amigos, Dolores 602 encanta à todos por onde se apresenta. Não há quem não se abale com o carisma e competência das integrantes. 

O primeiro disco está em andamento e elas estão ascendendo por aí... Em breve Dolores estará bombando pelos rádios e eu quero ver quem vem aqui comentar que ouviu a voz suave e intensa de Débora nas ondas das AM/FM's.
_________________________________________________________________________________

                                                                   Lenda - Céu

Essa música pra quem já é fã de Céu, já é passada. Foi uma das primeiras a estourar, junto com seu primeiro disco, "CéU", de 2005. Filha de Edgard Poças, maestro e compositor brasileiro, começou sua carreira artística em 2002, mostrando que o ritmo está nas veias e não dá pra negar. Basta ouvir. 
Céu lançou seu segundo álbum, "Vagarosa", em 2009. Agora está com o ultimo, de 2012, "Caravana Sereia Bloom". Uma delícia de mistura de afrobeat, hip hop, jazz, R&B e por aí vai.


Eu teria muitas outras coisas para mostrar, mas acho que para um post, está de bom tamanho. Gostaria de agradecer às minhas amigas queridas, que me apresentaram grande parte desse repertório que postei e dizer  que, quem mais tiver o que acrescentar, manda aí, que é justo e legítimo a participação de todos.


Aproveitem!

2 comentários:

  1. Sempre digo que os melhores artistas de nosso tempo estão nos circuítos alternativos, nossa produção musical atual é riquíssima, uma pena que aquilo que chega à grande mídia seja tão pobre artisticamente...

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pelo post...Uma pena esses artistas não serem tão valorizados em nosso país. Conheci alguns outros fantásticos em um projeto coletivo, "sarau, novos talentos da mpb". Vale a pena conferir www.projetosarau.com.br
    Abs.

    ResponderExcluir