31 de out de 2012

Doces ou Travessuras - Especial Livros e HQ´S

Preparem-se para muitos sustos porque hoje é Halloween,bebê !  E para não deixar passar em branco a data dos tons obscuros,eu resolvi fazer uma postagem especial,unindo as minhas especialidades aqui no blog que são a Literatura e os Quadrinhos,vulgo HQ´s,que seja!
No início da semana,comemoramos o Dia Mundial do Livro e não custa nada lembrar como livros são importantes em nossa formação pessoal,pois com o seu conteúdo nós temos a base para montar e seguir as nossas ideologias,tomamos nota de  todas as  informações existentes,além do requisito mínimo para entender o que eu citei acima,saber ler e escrever,não adianta negar é um processo mecânico nisso,é como malhar o bíceps: No começo é difícil,mas exercitando-se com regularidade,nota-se que o rendimento torna-se superior e logo é necessário aumentar a carga e assim sucessivamente vai ocorrendo o processo de aprendizagem de leitura e escrita. E não é bom se acomodar ao pensar que já consegue ler um livro ou escrever um bilhete: Assim como o músculo,se a acomodação se instalar e desse modo o exercício cessar, o músculo vai atrofiar! Ou seja,aquilo que você levou tanto tempo para aprender vai se dissipando de sua mente aí bebê você percebe que já não tem a mesma potência. 


E para recomeçar e logicamente recuperar o tempo perdido,haverá a necessidade de um sacrifício maior...Algum tempo atrás,eu fiz uma postagem sobre o Dia do Escritor,mas como ia ficar um assunto muito repetitivo,resolvi publicar hoje,juntamente com o que seria o espaço das HQ´S,pois posso abordar o mesmo tema para ambos os assuntos e prestar homenagem ao nosso mentor intelectual, o livro. O verdadeiro motivo para postar hoje,além do fato que seria dia de quadrinhos,é a data comemorativa comumente chamada o Dia das Bruxas, e encontra-se baseada na crença do antigo povo celta,que todo dia 31 de outubro,não é importante somente por causa da definição das estações do ano,mas segundo o que eles acreditavam,os espíritos andam entre os vivos neste dia e para espantá-los havia a necessidade de ornar habitats e pessoas com coisas feias como ossos por exemplo. Isso foi a uns 2500 anos atrás e é claro que hoje, o pessoal está mais interessado pelos concursos de fantasia e os doces! E sendo Halloween,eu resolvi elaborar um combo de obras diversificado e assombroso que eu recomendo para o dia de hoje,então certifiquem-se que as luzes estão acesas,olhem embaixo da cama, e não se desesperem!




Drácula - Bram Stoker

Esse aí é o vampiro verdadeiro,com ele não tem essa história de sentimentos ou pó de pirlimpimpim, com ele a sequência não é do pente,é do predador e caça.Enquanto você ao menos cogitar a idéia de ser como a Bella Swan,no mínimo sua jugular já estará seca e antes que você possa protestar vai levar uma estacada de madeira direto no coração,sem delicadeza,assim na maior, dentro de um caixão e se possível,em um cemitério realmente tenebroso para deixar de ser tola por querer se envolver com vampiros! O Drácula de Bram Stoker é de 1897 e foi escrito com base no folclore e lendas do povo romeno...Ou seja,se você for a inúmeros cemitérios antigos desse povo,você vai reparar que os mortos descansam com uma estaca enfiada no peito...Edward não sobreviveria nem um mês na Romênia...

DRÁCULA - BRAM STOKER 



Crônicas Vampirescas - Anne Rice

Os vampiros de Anne Rice são existencialistas sim mas essa característica não os deixam delicados como fadas,muito pelo contrário. O único mundo que eles conhecem está mergulhado em trevas,não apenas as trevas da noite e a sua impossibilidade de andar à luz do sol,são trevas mais significativas,que concentram perversidade,luxúria,dominação. Se você não souber fazer a sua vida,és literalmente devorado por outros "peixes" maiores que você neste gigantesco mar de podridão. Dentre as crônicas vampirescas,a mais popular dentre elas é "Entrevista com o Vampiro",principalmente depois que recebeu a sua versão cinematográfica com Brad Pitt encarnando o existencialista Louis e Tom Cruise o psicopata Lestat. Uma coisa interessante,é que as obras de Anne Rice sempre deixam escapar nas entrelinhas aspectos da vida pessoal da autora. Cláudia,a vampira que viveria eternamente sob um aspecto infantil foi inspirada na filha de Anne,que morreu aos cinco anos,vítima de leucemia. As crônicas foram escritas no período entre 1976 e 2003. Se você quer saber como é a vida dos predadores eles contam. Só não garanto que você estará respirando no final.

                             ENTREVISTA COM O VAMPIRO - ANNE RICE  



                                       Lord Byron e Álvares de Azevedo


Estamos aqui falando de vampiros ficcionais,mas porquê não dar espaço aos vampiros "reais",se levarmos em conta a fascinação que um devasso Lestat nos provoca, o que levou gerações e mais gerações de mulheres a terem sonhos eróticos com os filhos de Caim ( segundo a mitologia de Vampiro- A Máscara,que é descaradamente inspirado no mundo criado por Anne Rice). Mulheres que enlouquecem por tipos intelectuais,erráticos e boêmios conheçam Lord Byron,esse escritor pertencente à casta dos ultra-românticos que morreu jovem,tinha limitações físicas,porém teve uma vida muito produtiva,aventuresca e luxurienta,além de muitas e muitas polêmicas,como é o caso do incesto e do romance com centenas de mulheres comprometidas. Ele era doce como mel e amargo como fel...De onde vocês acham que surgiu a figura de Don Juan?Ele foi nitidamente imortalizado como vampiro na obra de seu amigo John Polidore,cujo título é,adivinhem,O Vampiro!E o nosso conquistador também escreveu sobre vampiros em seu poema The Giaour,ou o Infiel,em árabe. Sabe,a ele não bastava falar sobre vampiros,tinha que ter algum elemento exótico!  E desculpa aí meninas,Ghouls,são muito mais do que vampiros,são demônios árabes comedores de carne e sedentos por sangue que vivem em cemitérios,prontos para lanchar algum desavisado.Se por acaso passar por essa imprudente cabecinha de tentar beijar um ghoul,devo lhe alertar que o bafo do galã das catacumbas não deve ser nem um pouco agradável! A alma gêmea de Lord Byron nasceu no Brasil e atendia pelo nome de Alvares de Azevedo e como o escritor anterior,morreu jovem,escreveu muito e era um boêmio inveterado. Para este Halloween sugiro Noite na Taverna,tem o clima propício para a data!

                                            THE GIAOUR- LORD BYRON
                            NOITE NA TAVERNA:ÁLVARES DE AZEVEDO


                             


                                            Frankestein - Mary Shelley

Outro monstro clássico é o Frankestein e surpreenderia a vocês saberem que quem inventou a sua história foi uma jovem, de nome Mary Shelley? Ah,mas hoje mulheres escrevem livros principalmente,livros sobre vampiros fadas! Na época em que viveu,digamos que a mulher não era estimulada a pensar e nem muito menos a se intrometer em assuntos que seriam restritos aos homens que seriam política,filosofia,ciências...Coisas complexas demais para cabecinhas que eram treinadas desde a mais tenra idade apenas para discutir frivolidades. Com Mary foi diferente,ela teve toda a assistência do pai e fazia muito bom uso dessa educação avant - gardé. E foi num bate papo gostoso e descompromissado que ela criou o seu tão famoso personagem,afinal naquela época havia ocorrido um boom significativo no campo das experiências científicas,então era realmente estimulante tentar reanimar defuntos. Aliás é um desafio magnífico...Seria a solução definitiva para o apocalipse zumbi,é só pegar as sobras que os zumbis não devoram,uni-las e esperar uma tempestade! Pronto,temos um mundo repovoado de novo! Ficou curiosa para saber se rolaria umas  civilidades com essa criatura artificial? Dê uma lida e confira!

                                     FRANKESTEIN - MARY SHELLEY



                                     O Chamado de Cthulhu - H.P Lovecraft

Lovecraft de longe é o Pai da Literatura de Terror,criou um universo fantástico com todo o tipo de coisas horripilantes que se possa imaginar portanto ele é a cara, o espírito e a mentalidade do Halloween! Dentro desse mundo extraordinário existem panteões de deuses que lutam entre si sobre a soberania sobre a Terra,planeta que a bilhões de anos atrás,eles mesmos fizeram surgir a vida,inclusive a humanidade. Existem aqueles que acreditam em ANNUNNAKIS e que nós descendemos de extraterrestres e esta sua crença se assemelha e muito com o imaginário Crafteriano. Sua obra é tão impressionante que há os que juram de pés juntos que o Necronomicon,livro de invocações de demônios é de verdade,porém ele é mais um ingrediente da cosmogonia de Lovecraft. Apesar de reunir vários contos,o livro leva o nome de uma criatura chamada Cthulhu,uma criatura anterior ao aparecimento de vida sobre a Terra e é cultuada como se fosse uma divindade em corpo de barro para que um dia retorne à vida. Porém na qualidade de extraterrestre e criatura bestial,a Humanidade não será beneficiada com esse retorno e todos irão para o beleléu. E nada de beijinho!

                               O CHAMADO DE CTHULHU - H.P LOVECRAFT



                                                     A Coisa - Stephen King

A última criatura de livros que eu vou falar pertence às obras de Stephen King e embora ele e outros autores tenham vampiros,lobisomens e zumbis à vontade para nos exibir,vou falar deste palhaço tenebroso comedor de criancinhas,porque ele personifica o terror que as pessoas sentem com a figura do palhaço,notadamente quem está do lado de lá,nos EUA,porque houve uma vez,um maníaco que se vestia de palhaço e matou muitas pessoas.  O personagem de Stephen não é meramente um serial killer,é uma entidade sobrenatural que não se alimenta apenas dos corpos,mas principalmente do medo de suas vítimas ( a la Fred Krueguer ),principalmente crianças. Um grupo de sete crianças uma vez o enfrentou e trinta anos se passaram desde então,até que um deles que ainda morava na cidade,pressentiu que o perigo retornou e solicitou que seus amigos também retornassem à cidade para o confronto final. A minha opinião pessoal é que a versão cinematográfica não consegue nem de longe ser aterrorizante como o livro,porque obviamente no livro existem muitas coisas que gerariam polêmica se fossem exibidas no cinema,mas que funcionam de um jeito perturbador no contexto da obra. Recomendo a leitura imediata e se possível que se ignore a versão em filme. Não me meteu medo,deu vontade de rir do filme. Com o Pennywise eu aprendi que não se deve confiar em palhaços que te oferecem coisas legais de dentro  de uma vala de esgoto. Meninas, ele é dentuço,fica a dica!



                                                     
                                                        Quanto aos quadrinhos:


 Dos títulos da Vertigo,vou escolher os menos óbvios.Títulos como Hellblazer, Sandman e Monstro do Pântano,deixemos para conferir depois,mesmo que estes combinem muito com Hallowen!

FÁBULAS: Criaturas das histórias de contos de fadas coexistem com os seres humanos,embora procurem não se misturar com eles. Se você já viu Shrek,imaginem o mundo do ogro de uma perspectiva macabra e terão idéia do que é ler esta HQ! Aqui está um exemplar da série:

                                                                  1001 NOITES
                                                                  
A TESSALÍADA: Esta minissérie conta a história da bruxa Tessaly,a última das bruxas da Tessália na Grécia. Apesar de manter-se no anonimato como uma jovem estudante de literatura de Nova York,ela terá que lutar contra ecos de seu passado,pois cães de caça infernais estão em seu encalço e ela tem que descobrir quem ou o quê está por trás dos acontecimentos estranhos. Eu tive o prazer de ter a minissérie completa em mãos e é uma leitura surpreendente,mais uma vez o fantástico e o sobrenatural entrelaçam-se de modo hábil de acordo com a brilhante mentalidade de Neil Gaiman!

Aqui estão os  volumes da mini- série:

                                                         TESSALÍADA # 1
                                                         TESSALÍADA # 2
                                                         TESSALÍADA # 3
                                                         TESSALÍADA #4

EU,ZUMBI: Eu fiquei sabendo que está em fase de produção uma série para a TV de uma versão zumbi para o dilema do vampiro borboleta e este zumbi é todo cheio de bons sentimentos e pó de arroz,assim como o seu colega Edward. Mas antes disso,já existia uma zumbi gostosona,que namora um lobisomem e tem uma amiga fantasma que ao comer o cérebro de pessoas já falecidas no cemitério,absorve uma parte do que elas eram. Mas ao invés de se apaixonar pelo parceiro do defunto,ela se incumbe de solucionar questões como assassinado e assim honrar a comida que tem à mesa.Interessante,não? Vai um pedacinho aí?

Primeiro volume:

                                                    EU,ZUMBI # 1
BRUXARIA,UMA HISTÓRIA DE VINGANÇA: Secretamente,mulheres cultuam às deusas obscuras na floresta em noite oportuna ,quando um bárbaro interrompe a celebração e acaba estuprando e matando uma delas que antes de morrer faz um juramento de que se vingará em outra vida, e o seu desejo é tão extremo que as deusas,uma velha,uma matrona e uma jovem o concedem à moribunda. Nesta época o Império Romano ainda dominava o mundo até então conhecido, e o local era Londres. Então através dos séculos e sob diversas aparências,esta pessoa perseguirá seu assassino,mas até que ponto essa perseguição é coerente? Confiram a minissérie inteira em 3 volumes:

                    BRUXARIA,UMA HISTÓRIA DE VINGANÇA-COMPLETO


UZUMAKI: O clima deste mangá é extremamente perturbador. Uma cidade  começa a ser assombrada por padrões geométricos que lembram espirais e influenciam os moradores de modo extremamente bizarro e logo o local todo é tomado pelas espirais assassinas e a heroína Kirie ,uma das poucas pessoas sobreviventes à possessão,assiste intrigada um a um os seus conhecidos serem destruídos e logo tudo será destruído.Essa é história  para ler  de dia ou de preferência de luz acesa,e de preferência bem longe dos caracóis!

Primeiro capítulo:


                                  UZUMAKI - A ESPIRAL DO HORROR


Gente,acho melhor eu parar por aqui senão eu ficarei dias e dias listando tudo o que eu conheço na área,espero que vocês gostem da seleção que fiz,desculpem-me a demora,a internet está oscilante. Beijocas!

                                       

3 comentários:

  1. Excelente seleção, Drácula e Frankenstein são obras obrigatórias.
    Adorei o gif que fecha o post!

    ResponderExcluir
  2. Anaaaaaaaaaaaaaaaa,
    o que é esse gato preto lixando as unhas?
    Amei!
    Adorei o texto.
    Muito completinho e esclarecedor!
    Única coisa que não gostei foi a imagem da Linda Blair,rs.

    bjos

    ResponderExcluir
  3. Meninas,esse gato preto lixando as unhas é um must não acham? Eu tive que ficar assim no dia em que criei esse post,a net não estava colaborando nem um pouco e dádiva das dádivas,ao conseguir finalizar essa matéria o pc deu pau e não reconheceu mais qualquer rede de compartilhamento,seja de internet,seja dos pcs aqui de casa,bugou geral.Eu poderia ter escrito mais,porém seria cansativo para uma leitura web!Muita coisa boa ficou de fora!

    ResponderExcluir