20 de set de 2012

Acessibilidade e Televisão Combinam?

Imagem retirada DAQUI
Para quem desconhece o termo, acessibilidade vai além das mudanças para a permissão de que deficientes físicos consigam locomoverem-se, fazerem uso de produtos e alcançarem informações, trata-se de uma inclusão mais direta e duradoura, garantindo que a população, em sua mais pura totalidade, consiga usufruir do mínimo com dignidade. Assim, considerando a pergunta título, a acessibilidade é como um pretinho básico, combina com tudo; Inclusive televisão. Contudo, como tudo que na vida demande uma ação mais efetivas, financeira e social, a tão apregoada inclusão parece estar longe de ser vivenciada em sua plenitude.

Geralmente nesta coluna falo sobre alguma pérola da TV Aberta a ser relembrada, desta vez, entretanto, optei por trazer o trecho de uma matéria realizada para o programa Globo Universidade que compila informações interessantíssimas sobre o curso de Tradução, especialmente na elaboração de Closed Caption, e Audiodescrição. Segue o vídeo: 


Eu que sempre fui uma apaixonada pelo cinema, ficava imaginando como era a experiência desta arte através da vivência de uma pessoa com limitações físicas na visão - sendo cego ou com baixa visibilidade. Algo tão maravilhoso e fácil para mim era percebido com fascínio por outrem que não usufrui de todos os sentidos? Não sei se algum dia saberei esta resposta, mas, sei que a acessibilidade e a inclusão do recurso de audiodescrisão são vitais para que a diferença no acesso a um mesmo programa televisivo ou película fixe-se apenas nas opiniões pessoais. 


3 comentários:

  1. Fiz um curso de audiodescrição este ano e até usei um recurso para descrever um filme mudo que coloquei em meu canal do YouTube. É um recurso indispensável não apenas para os deficientes visuais, mas também para quem tem qualquer problema no entendimento de um filme. Uma pena que as leis que obrigam todos os canais a incluir o recurso não sejam cumpridas integralmente.
    Além da sensação de ajuda, com a audiodescrição aprendi a prestar mais atenção aos detalhes dos filmes que vejo, o que foi muito bom para mim!

    ResponderExcluir
  2. Muito obrigado por nos ajudar a divulgar a audiodescrição! Esperamos ter esse recurso disponível em 100% dos programas de televisão, peças de teatro, cinemas, para que as pessoas com deficiência possam usufruir de todos os tipos de eventos artísticos e culturais em igualdade de condições com as demais pessoas.

    Paulo Romeu - criador do Blog da Audiodescrição

    ResponderExcluir